QUILOMBO CAIANA DOS CRIOULOS

Contatos:
Cida, presidente da associação quilombola Caiana dos Crioulos
email: cidadesencostadaparede@gmail.com
Celular tim: 83-99631008.

Vivenciando Caiana dos Crioulos com o grupo de capoeira da comunidade, Caminhos do Frio 2017



Registramos mais um vídeo do projeto vivenciando Caiana dos Crioulos com o grupo de capoeira da comunidade, dentro da programação rota cultural Caminhos do Frio em Alagoa Grande, edição 2017.

Link

Banda de Pífano de Dona Inês em Caiana dos Crioulos na Rota Cultural Caminhos do Frio de Alagoa Grande


Ontem, domingo, 3 de setembro, a banda de Pífano de Dona Inês Pimenta Magaleta fez a animação dos turistas e quilombolas Caiana dos Crioulos, dentro da programação  Rota cultural caminhos do Frio de Alagoa Grande. As jovens quilombolas do projeto vivenciando caiana dançaram e cantaram. Teve também capoeira com um grupo de quilombolas. 
Compareceram ao evento Nazareno Félix do banco do Nordeste, Marcelo Félix, secretário de cultura e Turismo do município de Alagoa Grande,  Haroldo da Vila São João, diretora Luciene da escola quilombola Firmino Santino, professora Lúcia Júlia, professor Rafael Rodrigues (UFCG, campus Cuité), estudantes do curso de Física da UEPB de Patos,  Luciana e Maria Vitória, filhas de Cida,  presidente da associação quilombola Caiana dos Crioulos, agente de saúde Elza, Totinha, Paulinho, cirandeiras, Zezinho, esposo de Lúcia, presidente da associação dos moradores de Sapé de Julião, Zezinho e sua esposa Nita, sogra da diretora  Luciene, estudantes quilombolas Maria dos Anjos, Jocilene, Rafaela, Denilson e a irmã Simone, Denilson do batuque da capoeira, entre outros.     


Vídeo no link

Reforço GEMAG no Quilombo Caiana dos Crioulos para o ENEM e ENCEJA, nesta terça-feira, 29 de agosto


Pequeno trecho de calçamento na estrada quilombola.

Nesta terça-feira, 29 de agosto,  será ministrado mais um reforço GEMAG-Grupo de estudo multidisciplinar de Alagoa Grande, com o apoio do projeto de extensão da UFCG, sob a coordenação do professor Rafael Rodrigues (UFCG, campus Cuité), para o ENEM e ENCCEJA na associação do quilombo Caiana dos Crioulos. 

Horários


 Física com o professor Rafael  das 13:30h às 14:30h


Português com a professora Dourinha ,das 14:20h às 15:10h.


Veja como foi as últimas aulas do  reforço GEMAG, realizada na última terça-feira,  ministrado pelas professora Marias da Doures da escola estadual de demonstração de Alagoa Grande (mais conhecida por Dourinha ou Neide) e o professor Rafael Rodrigues.


A professora Dourinha explicou como se fazer uma redação e deixou o tema livre para cada estudante fazer a sua redação. 


O professor Rafael Rodrigues, explicou como fazer as transformações dos sistemas de unidades para o sistema padrão ou internacional de medidas (SI), dando alguns  exemplos. Ele falou também sobre a cinemática, leis de Newton e o conceito de trabalho em Física, deixando  uma lista de exercícios proposto para os estudantes tentarem resolver e no próximo dia 5 de setembro será discutido com a turma as soluções detalhadamente.
Link

Coordenador do Projeto de Extensão do Curso de Física da UFCG, campus Cuité, divulgando a OBFEP 2017 na escola quilombola Caiana dos Crioulos, nesta segunda, 7 de agosto

O projeto de Extensão do Curso de Licenciatura em Física da UFCG, campus Cuité, sob a coordenação do professor Rafael Rodrigues, está divulgando a olimpíada brasileira de Física para escolas públicas (OBFEP) 2017, no quilombo Caiana dos Crioulos, a 14km do centro da cidade de Alagoa Grande. 

O professor Rafael e Carlos dos escoteiros visitaram as salas do 6o. ano, que estava c com o professor Nick de educação Física e sala do 9o. ano que estava sendo ministrada pela professora de inglês Paula. Eles divulgaram também o ENCEJA 2017 e a participação deste quilombo na próxima copa verão de Alagoa Grande.

Na última sexta-feira, 4 de agosto, o professor Rafael, o bolsista Francisco Huandson e o voluntário Rafael Medeiros do curso de licenciatura em Física da UFCG estiveram na escola estadual de ensino fundamental e médio José Luiz Neto de Barra de Santa Rosa, a 34km de Cuité.
A diretora Luciene Tavares escola municipal de ensino Fundamental  Firmo Santino da Silva conversará com o professor de Física desta escola, Rafael Aguiar,  para  cadastrar a escola e colaborar na execução do projeto de extensão  da UFCG, sob a coordenação do professor Rafael Rodrigues.
OBFEP 2017.
Link

Dona Edite de Caiana dos Crioulos participou do programa espaço aberto da rádio cultura de Guarabira

Dona Edite, umas das coordenadoras na  apresentação das cirandeiras de Caiana dos Crioulos, participou do programa espaço aberto da rádio cultura de Guarabira, sob o comando de Evandreson Brás, direto da feira livre de Alagoa Grande, neste sábado, 5 de agosto. 

Um momento hábil do professor Rafael Rodrigues, pois ele ligou para a  rádio cultura de Guarabira para divulgar o ENCCEJA, quando de repente apareceu dona Edite e o professor cumprimentou ela dizendo que estava no ar na rádio Cultura de Guarabira.

Professor Rafael: Bom dia Evandreson Brás e a todos ouvintes, estou na feira livre de Alagoa Grande, ao lado de Dona Edite, mulher guerreira e a rainha das das cirandeiras de Caiana dos Crioulos, gostaria de divulgar uma oportunidade para os jovens e adultos através do  ENCEJA. 

Leia mais


Concurso de Beleza no Quilombo Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande, edição 2016

 
Durante a comemoração do dia da Consciência Negra, no último domingo, 20 de novembro,. no quilombo Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande, Cida coordenou o concurso de beleza na terra de Jackson do Pandeiro. Este é um dos 13 município do Brasil com comunidade quilombola, sendo o maior quilombo da Paraíba com 120 famílias que vivem da agricultura familiar.
                                       Tony com suas duas filhas
   Professor João da UEPB, campus Guarabira. Recentemente iniciou um trabalho de valorização da cultura e turismo na região. Parabéns.


O concurso de beleza foi realizado por volta das 16h, sob a coordenação de Cida, presidente da associação quilombola. Nesta hora, ainda se encontravam alguns turistas. O futuro prefeito de Alagoa Grande Sobrinho informou ao professor Rafael que tinha outro compromisso na cidade e lamentou em não poder ficar para participar do encerramento. Resultado do concurso, escolhida pelo aplauso do público, em primeira, segunda e terceira classificada: Raiane, Joseane e Maria Vitória. Veja o vídeo do concurso de beleza.


Da zona urbana vimos o fotógrafo Paulo Wanderley, empresário Guilherme da loja de Calçados com a família e seu concunhado Zé Pimbeta. Registramos também as presenças das professoras Marlene Brito, Elisama Guerra, Tony com sua esposa Mirtes, professor João da UEPB, campus Guarabira, Luiza Soares, Jânio Brito, entre outros.

O professor Rafael Rodrigues (UFCG, campus Cuité) doou alguns brindes para Cida entregar aos jovens cainistas.

Professora Luciene incentivando as jovens para participar do desfile
Veja mais imagens da Festa da cosnciência Negra, no dia 20 de novembro, no link

PROFESSOR RAFAEL RODRIGUES MINISTRA PALESTRAS SOBRE BOLSAS DE ESTUDOS E A IMPORTÂNCIA DA EXPERIÊNCIA DE FÍSICA NA ESCOLA QUILOMBOLA CAIANA DOS CRIOULOS DE ALAGOA GRANDE. SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA ESTENDIDA


O professor Rafael Rodrigues (UFCG, campus Cuité), um dos incentivadores na participação das escolas paraibanas na 12a. Edição da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), ministrou duas palestras na  escola quilombola de Alagoa Grande, escola municipal de ensino Fundamental  Firmo Santino da Silva. Inicialmente, ele agradeceu a  gentileza da secretária de educação do município Lúcia Agra em incluir a escola quilombola na programação da SNCT 2015. Agradeceu também os apoios do diretor adjunto Evandro, professor de ciências Rafael Aguiar e também dos professores presentes ontem na escola quilombola Diocélio, Manuelzinho Lúcia e Educardo. 
Ainda dá tempo para cadastrar outras escolas.  Veja o site da 12a. edição da SNCT http://semanact.mcti.gov.br/
Participe você também da SNCT.
A importância de experiências de Física e bolsas de estudos na escola foram temas da palestra do professor Rafael Rodrigues:  Medida da aceleração de um carrinho em uma pista retilínea e Eletricidade ao Alcance de Todos. Destacou também o trabalho da teoria do efeitofotoelétrico, em 1905, onde a luz é tratada como compostas de partícula chamada de Fóton, que deu o prêmio Nobel da Física, em 1921, para o pai da Física moderna, o alemão Albert Einstein.
O professor Rafael de Lima Rodrigues encerrou a sua participação  divulgando para os estudantes do nono ano da escola quilombola a Política Pública de Bolsas de Estudos no Brasil: bolsa quilombola para quem ingressar em uma universidade, independente do seu curso. As bolsas PIBIC Júnior e PIBICEM para o ensino médio.
Veja mais imagens no link
http://rafaelrag.blogspot.com.br/2015/11/escola-estadual-de-demonstracao-de.html

CONCURSOS DE BELEZA E DANÇA EM CAIANA DOS CRIOULOS, NO ENCERRAMENTO DA SEMANA DA CONSCIÊNCIA NEGRA 2015

http://rafaelrag.blogspot.com.br/2015/12/concursos-de-beleza-e-danca-em-caiana.html
COM MUITO POUCO SE FAZ A ALEGRIA DO POVO

Nalda Brito na coordenação do desfile de beleza. 

A programação da festa da semana da Consciência Negra de Alagoa Grande, aconteceu nos dias 20, 21 e 22 de novembro. Realmente, há 6 anos consecutivos que o professor Rafael Rodrigues (UFCG, campus Cuité) vem colaborando e incentivando  este evento  em Caiana dos Crioulos. 


No dia 22, à tarde, aconteceu um momento especial com a apresentação dos dois grupos de Ciranda da comunidade, comandados por Cida e Dona Edite.parabéns.

No dia 20 de novembro.  dia nacional da consciência Negra, Cida, presidente da associação quilombola Caiana dos Crioulos, pediu ajuda durante a sessão especial da Casa Legislativa de Alagoa Grande,  a algumas pessoas e ao comércio.  

http://rafaelrag.blogspot.com.br/2015/11/cida-reivindica-e-agradece-aos-apoios.html

Veja mais imagens  do início do evento,

                                       Bibiu, Jéssica e Luis Henrique

Jéssica, representante do ODE da Paraíba, participou dos 3 dias organizando os eventos juntamente com a comunidade. Ela enfatizou que ainda existe a discriminação racial e convidou a líder quilombola,  Dona Edite, para participar participar também, Parabéns. Neste vídeo, o Pai Geo participou também.

Veja Algumas Imagens do Segundo Dia do Festival da Consciência Negra em Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande, neste domingo, 23 de novembro de 2014

O segundo dia do Festival da Consciência Negra em Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande, teve alguns turistas e poucas pessoas da cidade de Alagoa Grande. Um dos motivos foi a falta de disponibilidade de transporte para o povo visitar o quilombo.  O palco e o som foram patrocinados pelo vice-prefeito Beto, tendo  alugado o palco pela importância de R$1000,00, junto ao empresário Roberto de Alagoa Grande. A prefeitura doou as tendas brancas.

 Bibiu do Jatobá, conselheiro estadual da cultura, esteve no quilombo na parte da manhã, deste domingo. O professor Rafael Rodrigues (UFCG, campus Cuité), Manoel da travessa da Enéas com sua esposa e sobrinha, Beto e esposa Vanda da Vila Nova, o vocalista Robério Chaves, Tiago taxista com sua mãe Luzia, a repentista Soledade, entre outros, compareceram na parte da tarde. As professoras Marlene Brito e Marinalva Brito são  incentivadoras da preservação da cultura quilombola, compareceram aos dois dias. 

O blog do Thiago, com apoio exclusivo a arte e a cultura, transmitiu a programação dos dois dias ao vivo.

Neste domingo, 23,  pela manhã aconteceu uma caminhada, apresentação de capoeira e as cirandeiras de Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande, comandada por Cida. Na parte da tarde, aconteceu a apresentação  de dança e o concurso de beleza da garoto Afrodescendente, tendo o corpo de jurados,  escolhido as classificadas em 1o, 2o e 3o colocadas as seguintes garotas: Luciana, recebeu R$50,00, Aline, ganhou uma calça Jean e Vitória recebeu R$20,00.

Thiago no canto esquerdo do palco, transmitindo ao vivo.

Teve também concursos de dança, feminino e masculino, que receberam duas cestas básicas e bolas de brindes. A premiação e os brindes foram doados pelo professor Rafael Rodrigues. Este pediu bolo e pães a panificadora cearense, que foram entregues na cozinha da escola, onde estava sendo preparado o almoço para todos os presentes, Ficam as perguntas por que não foram doados outros brindes?  Por que os membros da comissão organizadora não pediram brindes no comércio local e aos políticos, para incentivar a participação de outras atividades? 

                  Vitória, filha de Cida de Caiana dos Crioulos, Juliana da Macaíba e o professor Rafael




O corpo de  jurado da garota Afrodescendente no quilombo Caiana dos Crioulos  foi composta por turistas: André, Geynz (irmã do professor Guto), Natan e Ingrid.


O grupo Swing arte e dance solicitou um ônibus e não conseguiu, mas 5 componentes compareceram ao quilombo Caiana dos Crioulos  por conta própria e fizeram uma bela apresentação: André, Aline, Renata, João Daniel e Bibi. Parabéns.

À tarde, teve também a apresentação da repentista Soledade. Parabéns.

                A professora Marlene Brito falou em defesa da cultura Afrodescendente e falta da valorização da sociedade e dos poderes públicos da importância do quilombo Caiana dos Crioulos. Ela participou do programa informativo GEMAG, na rádio comunitária, diretamente do quilombo. Parabéns.

Veja Algumas Imagens do Primeiro Dia do Festival da Consciência Negra em Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande

                        Blog do Thiago com transmissão ao vivo
Hoje a partir das 20h, aconteceu o início do Festival da Consciência Negra em Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande, com muito Forró. Neste domingo, 23 de novembro de 2014, teremos as cirandeiras de Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande, concurso de beleza da garoto Afrodescendente, etc. 

Informou Cida, presidente da associação quilombola Caiana dos Crioulos.












               Manoel e o professor Rafael

                          Cida, vereador Genildo e Beto

Vereador Genildo Marques e o vice-prefeito Beto, Manoel Gomes Ribeiro, professor Rafael Rodrigues, professora Marlene Brito, professora Marinalva Brito, turistas, etc. compareceram na primeira noite de comemoração da consciência negra no quilombo Caiana dos Crioulos.
Veja outras imagens.


            Pablo, Jordana(estudante da UFPB) e Diana (estudante da UNOPA)


FESTIVAL DA CONSCIÊNCIA NEGRA EM CAIANA DOS CRIOULOS DE ALAGOA GRANDE ACONTECERÁ DE 22 A 23 DE NOVEMBRO.

Cida de Caiana e Fátima da Usina, na cidade de Alagoa Grande,  em 17-11-2014.

Cida, presidente da associação quilombola Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande informa que está contando com o apoio de pessoas voluntárias, para doação de brindes que serão entregue  aos candidatos nos concursos de dança e da garota Afrodescendente.  Este ano além das cirandeiras, teremos também apresentações de grupos de danças da cidade.

O festival da Consciência Negra, em Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande, acontecerá nos dias 22 e 23 de novembro. No dia 22, teremos shows à noite, a partir das 20h. no dia 23, será o dia todo, a partir das 8h.

Link,

Festival da Consciência Negra’ em Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande neste sábado, 22 de novembro


Adendo do blog rafaelrag. GEMAG, Grupo de estudos Multidisciplinar de Alagoa Grande. Informativo GEMAG, na rádio PiemonteFM, no domingo, 23, das 11:30h às 13h, coordenação e apresentação professor Rafael Rodrigues, terá o tema principal o quilombo Caiana dos Crioulos. Nesta foto, vemos as vocalistas Vitória e Luciana, filhas de Cida.
Hoje a partir das 20h, teremos muito Forró com bandas locais e no domingo, 23, teremos as cirandeiras de Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande, concurso de beleza da garoto Afrodescendente, etc. Informou Cida, presidente da associação quilombola Caiana dos Crioulos. Veja a programação completa, a quem interessar clique aqui.

O Festival da Consciência Negra 2014 do quilombola de Caiana dos Crioulos em Alagoa Grande será realizado nos dias 22 e 23 de novembro na comunidade. Durante o Festival haverá shows musicais, concurso de dança e escolha da garota afrodescendente, participação das cirandeiras e apresentações de grupos locais.
O Dia Nacional da Consciência Negra é celebrado em 20 de novembro no Brasil e é dedicado à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira. A semana dentro da qual está esse dia recebe o nome de Semana da Consciência Negra.
A data foi escolhida por coincidir com o dia da morte de Zumbi dos Palmares, em 1695. O Dia da Consciência Negra procura ser uma data para se lembrar a resistência do negro à escravidão de forma geral, desde o primeiro transporte de africanos para o solo brasileiro (1594).
Link para esta postagem


CIRANDEIRAS DE CAIANA DOS CRIOULOS CANTARAM E DANÇARAM EM MASSARANDUBA, EM HOMENAGEM AOS AGRICULTORES, NESTE DOMINGO, 27 DE JULHO de 2014.

As Cirandeiras do Quilombo Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande fizeram uma bela apresentação, em homenagem a todos os agricultores, para um bom público presente
no parque do Povão, em Massaranduba-PB, das 12h às 13:20h, neste domingo, 27 de julho. Parabéns.

O dia do agricultor é 28 de julho e o dia do produtor Rural é 25 de julho. O evento realizado hoje, 27, foi uma comemoração alusiva ao dia do agricultor, patrocinado pelo prefeitura municipal e o Sindicato do Trabalhador Rural de Massaranduba.


Compareceu ao Palco a prefeita Joana Darc  Queiroga Coutinho, vice-prefeita Maria Rogéria,
Padre Erivaldo, o Radialista Antônio Marques da rádio comunitária de Massaranduba,
professor Rafael Rodrigues, candidato a deputado estadual pelo PSB, sob número 40044, Bibiu do Jatobá, conselheiro estadual da Cultura, as vocalistas da banda das cirandeiras, Cida 

     com suas filhas Vitória e Luciana. 

VEJA MAIS IMAGENS EM,

CIRANDEIRAS DE CAIANA DOS CRIOULOS DE ALAGOA GRANDE ABRIU O FESTIVAL DE ARTES DE AREIA-PB.

Asendo do blog rafaelrag. Parabéns para Chico César que ontem, ele ganhou o título de cidadão Areiense. Parabéns para Bibiu que acompanhou e propôs para as Cirandeiras cantar música em homenagem a Jackson do Pandeiro, em apresentação pública, pela primeira vez.

 O 15º Festival de Artes de Areia começou na segunda-feira (14 de julho) oferecendo uma programação diversificada com oficinas, espetáculos teatrais e musicais e exibição de filmes. Com a temática “Areia Latinoamerica”, o evento segue até o dia 20, e abre o Caminhos do Frio, um roteiro turístico criado que reúne eventos culturais e objetiva estimular o turismo de inverno na região do Brejo.
Após a cidade de Areia, esse projeto acontece em Pilões (21 a 27), Solânea (de 28 de julho a 3 de agosto), Serraria, (4 a 10), Bananeiras (11 a 17), Alagoa Nova (18 a 24) e Alagoa Grande (25 a 31 de agosto).
  No primeiro dia do FESTIVAL DE ARTES DE AREIA, 14 de de julho, teve como atrações principais a partir das 17 h, na abertura; GRUPO SEMENTES DA JUREMA de João Pessoa e o GRUPO DE CIRANDEIRAS DE CAIANA DOS CRIOULOS de Alagoa Grande, terra de Jackson do Pandeiro.

NA ABERTURA DO FESTIVAL DE ARTES DE AREIA, AS CIRANDEIRAS DE CAIANA FAZEM O POVO AREIENSE E OS TURISTAS DANÇAREM


UM FATO INTERESSANTE FOI QUE PELA PRIMEIRA VEZ AS CIRANDEIRAS DE CAIANA APRESENTARAM UM REPERTÓRIO ESPECIAL EM HOMENAGEM AO ÍCONE MAIOR DA MÚSICA NORDESTINA, JACKSON DO PANDEIRO, NATURAL DE ALAGOA GRANDE, PB, COMO AS ALEGRES CIRANDEIRAS.   UM MOMENTO IMPAR NA CELEBRAÇÃO DA CULTURA PARAIBANA.




VEJA MAIS IMAGENS EM,

ESCOLA MUNICIPAL FIRMO SANTINO DA SILVA REALIZOU HOMENAGEM AS MÃES, NO QUILOMBO CAIANA DOS CRIOULOS DE ALAGOA GRANDE

A diretora Josi e equipe, realizou uma bela homenagem as mães dos estudantes da escola quilombola municipal de ensino fundamental Firmo Santino da Silva, tendo sorteio de brindes e um almoço, no dia 21 de maio. Compareceram ao evento, no quilombo Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande, Dr. Genildo, vereador Fabrício, professor Rafael Rodrigues (UFCG, campus Cuité), Galego da Pedra, Pai da Rua Tiradentes, professora Eliane Brito, professor Rafael de ciências, professora Rosilene, Evandro, diretor adjunto, professor Diocélio, entre outros.  Parabéns a todas as mães, em especial, a diretora Josi.
Veja algumas imagens.


                                                     Vereador Fabrício
                                              Prof. Diocélio e Dr.Genildo

                                          Professor Rafael Rodrigues com a diretora Josi

                                                             Pai e Josi
                                  Prof. Francisco com sua esposa professora Lúcia 
                                  e o prof. Rafael de ciência

VEJA MAIS IMAGENS EM, 


   

ESTRADA DE ACESSO AO QUILOMBO CAIANA DOS CRIOULOS DE ALAGOA GRANDE TÊM TRECHOS INTRANSITÁVEIS, COM PEDRAS E BURACOS

A pavimentação em asfalto da estrada do Quilombo Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande foi prometida pelo ex-governador Cássio ao ex-deputado Bosco Júnior, mas terminou a sua administração e não saiu da promessa. 

Recentemente, na audiência do orçamento democrático do governo do estado, na reunião realizada, há um mês atrás, o historiador José Avelar, após uma reunião prévia com a população de Alagoa Grande, apresentou para o governador Ricardo este pleito tão importante para desenvolver o turismo da região e aproximar  Campina Grande de Alagoa Grande e demais cidades do  brejo paraibano.


No momento, a estrada de acesso ao quilombo Caiana dos Crioulos têm  trechos com muitas pedras e buracos, dificultando a passagem de veículo, resultando em prejuízo com a manutenção constante dos automóveis. Há trecho que passa somente trator e animais, o que é lamentável, afirmou Dr. Genildo. Professores, estudantes e a comunidade em geral, estão  reivindicando a Nice, secretária de Agricultura, responsável, pelas máquinas do município, para fazer urgentemente a restauração desta estrada, que liga este quilombo ao centro da cidade de Alagoa Grande.   

Em entrevista, ao programa  informativo GEMAG, da rádio comunitária de Alagoa Grande, Piemonte FM, no domingo, dia das mães, 11 de maio, o professor Rafael Rodrigues apresentou este pleito e Nice informou que iria tomar as medidas cabíveis.

VEJA MAIS IMAGENS EM,

 


FESTA COM FORRÓ DO AUGE E FORRÓ REGAÇA EM HOMENAGEM AO DIA DAS MÃES EM CAIANA DOS CRIOULOS DE ALAGOA GRANDE, ACONTECEU NO SÁBADO, 10 DE MAIO DE 2014 

A ESCOLA ESTADUAL DO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO PHB DE ALAGOA GRANDE VAI COMEMORAR O DIA DAS MÃES, NA QUARTA, 21 DE MAIO, À NOITE.


A ESCOLA MUNICIPAL DO QUILOMBO CAIANA DOS CRIOULOS VAI COMEMORAR O DIA DAS MÃES, NA QUINTA, 22 DE MAIO. O PROFESSOR RAFAEL RODRIGUES VAI PARTICIPAR DE AMBAS HOMENAGENS, PARA REGISTRAR AS IMAGENS.




 

A banda  Forró do Auge de Alagoa Grande está fazendo um grande sucesso e vai gravar um CVD, ao vivo, no próximo domingo, 25 de maio, à tarde, ao lado do Ginásio Bodão, com a presença de Samuca Duarte do sistema  correios de comunicação.


Forró do Auge e Forró Regaça animaram  os jovens  na homenagem ao dia das mães, no Salão de André, no Quilombo Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande, no dia 10 de maio.





Compareceram no local da festa, o empresário Tirica da banda Forró do Auge, Joelson com  sua esposa Marinlene, da banda Forró Regaça, Júnior Sanfoneiro, professor Rafael Rodrigues, UFCG, campus Cuité, Cida, presidente da associação do quilombola  Caiana dos Crioulos, com suas filhas Luciana e Vitória. 


A polícia militar esteve também dando apoio, felizmente não foi registrado nenhuma perturbação na festa, onde primeiro tocou o Forró do Auge e a partir de meia noite a animação ficou por conta de


Joelson do Forró Regaça.

                                                  Anderson Forró do Auge

                                                       Tiririca

                                                          Júnior Sanfoneiro

                                               Vitória e a irmã vocalista Luciana

                                                          Maria, Cida e Marinlene

                                                  Nascimento

VEJA MAIS IMAGENS EM,
 

ALAGOA GRANDE. VEJA ALGUMAS IMAGENS DA DOMINGUEIRA DE POESIA ABERTA, NO DIA 23 DE MARÇO DE 2014

EVENTO EM HOMENAGEM AO DIA INTERNACIONAL DAS MULHERES, COM ENTRADA GRÁTIS.



Soledade e Minervina. Foto de Bibiu do Jatobá.


Fátima da Usina e Luciana de Caiana dos Crioulos.
evento de Poesia aberta, em homenagem ao dia internacional da mulher, aconteceu no Grupo Escolar Apolônio Zenayde, em frente a prefeitura municipal de Alagoa Grande, no domingo, 23 de março, a partir das 14h, com entrada grátis e sorteio de brindes.
Soledade falou da alegria de receber o vice-prefeito Beto, a seretária de educação Mônica, a todos os alagoagrandenses que colaboraram para a realização deste evento, as demais pessoas presentes e, em especial aos representantes da luta pela valorização da mulher. Depois do sorteio de brindes o destaque ficou para  a apresentação das Cirandeiras de Caiana dos Crioulos, comandadas por Célia e Luciana, filha de Cida, presidente da associação quilombola Caiana dos Crioulos.
Adeilde, vencedora do concurso de beleza afrodescendente, em 24 de novembro de 2013, em Caiana dos Crioulos. 
                     Luciana e o professor Rafael
Compareceram ao evento  o vice-prefeito Beto, a secretária de educação, cultura, esporte e lazer, professora Mônica, o professor Rafael Rodrigues (UFCG, campus Cuité), a irmã de Soledade, Antônia, a representante da Usina, Fátima, a professora Marilene com o seu esposo Sobral dos correios,  Luzia do MMT, Elisama Montenegro, Nina, Moacir, Isac mototáxi, Paulo, entre outros. O evento teve shows diversos, aberto a quem quis declamar a sua poesia. Duas duplas de repentistas  participaram, no final do evento. Primeiro se apresentaram Soledade e Severino depois Minervina de Cuité com  Paulo Cruz de Solânea. 

VEJA MAIS IMAGENS EM,


GOVERNO DO ESTADO BENEFICIA O QUILOMBO CAIANA DOS CRIOULOS DE ALAGOA GRANDE COM 120 CISTERNAS
Secretária de Desenvolvimento Humano, Aparecida Ramos, atendeu o pedido de alagoagrandense para beneficiar 120 famílias no quilombo Caiana dos Crioulos.

O professor Rafael lembrou para a Secretária de Desenvolvimento Humano, Aparecida Ramos, da audiência agendada com representantes de Alagoa Grande para atender os pleitos da comunidade, durante a reunião do Orçamento democrático, em Esperança-PB. Naquele dia,  Haroldo da Vila São João e Cida de Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande não puderam comparecer. A secretária do governo do estado registrou que estaria a disposição para uma audiência na quinta-feira, para o horário em que a gente chegar.
Em conversa com as partes interessadas de Alagoa Grande, decidimos  participar na  quinta-feira, 12 de dezembro.  Pela manhã, participamos de uma homenagem  ao governador Eduardo Campos de Pernambuco e, à tarde,  aconteceu uma proveitosa  reunião com a secretária Cida Ramos.

O professor Rafael registrou o sofrimento desta comunidade quilombola, destacando que as cisternas iriam aliviar um pouco. Ele falou dos 75 banheiros em convênio com a FUNASA, cujos materiais chegaram desde março de 2012, mas até agora, ainda  não foram construídos, o que é lamentável. A secretária perguntou para Cida, quantas cisternas está sendo solicitada. Cida de Caiana, falou da necessidade de 120 delas, que foi prontamente atendida.

                                            Cida Ramos, professor Rafael e Cida de Caiana

Link, com outras imagens

 

Veja algumas imagens dos Estudantes e Professores de Santa Luzia-PB, em Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande, no sábado, 30 de novembro.



Projeto da Ensino Médio Inovador Padre Jerônimo Lauwen, secretária de educação do estado da Paraíba. África aqui: da cultura raiz aos novos tempos. A influência da cultura Africana no modo de vida atual do povo brasileiro.  



Na chegada em Alagoa Grande, o ônibus parou em frente a bomboniere para os estudantes e professores saborearem sorvetes, patrocinado pelo  professor Rafael Rodrigues. Ao chegar em frente o teatro, o Vereador Deda Ribeiro conversou com os professores Rafael e Maria.




No mês da Consciência Negra, Cida, a presidente da Associação  Quilombola de Caiana dos Crioulos, recebeu o professor Rafael Rodrigues acompanhado por uma comitiva de Santa Luzia.







Alunos e professores da Escola Estadual de Ensino Médio Inovador Padre Jerônimo Lauwen, localizada na cidade de Santa Luzia, no Sertão do Estado, almoçaram na associação Quilombola de Caiana dos Crioulos, conheceram a história daquele quilombo. Cida, presidente da Associação  Quilombola falou da comemoração do domingo, 24,  e parte da história daquele quilombo. Ela falou da dificuldade de viajar para a cidade em época de chuva. Lembrou, que certa vez, teve que ir a pé até Alagoa Grande, para ganhar um bebê.

Veja mais imagens no clicando no link abaixo

 

Veja algumas imagens da comemoração da consciência negra no quilombo Caiana dos Crioulos, no domingo, 24, à tarde, clique em


Na parte da tarde, vimos os concursos da escolha da mais bela garota Afrodescentente do quilombola Caiana dos Crioulos. O comitê avaliador foi composto por Bibiu, conselheilro estadual da cultura,  professor Diocéilio e a repentista Soledade. Das  cinco classificadas para desfilar a grande final, a vencedora foi Masria Adeilza, em segundo Maria da Vitória, em terceiro Valcilene, em quarto Maria dos Anjos e em quinto Luciana. Cida, presidente da associação quilombola Caiana dos Crioulos, comandou a apresentação. A premiação foi doada por Bibiu e o  professor Rafael Rodrigues (UFCG, campus Cuité). Este doou também para os outros concursos de dança das mulheres casada,  adolescentes e crianças que dançam mais, um balaio com alimentos e prêmios em dinheiros. Cida dividiu o balaio para duas mulheres casadas, que conseguiram se classificar em primeiro e segundo. 

Além dos turistas, comitê avaliador, e muitos membros da comunidade, compareceram, no domingo, à tarde, para ver os concursos de beleza e dança,  Nice, secretária de agricultura, Toinho do sindicato dos Trabalhadores Rurais de Alagoa Grande, Haroldo, presidente do conselho municipal da saúde, Manoel Tenente, Irnar Francisca, ex-secretária de Cultura da gestão anterior, vereador Marcelo de Canafístula e o prefeito Beto.


A prefeitura contribuiu com o lanche e o palco da festa. O professor Rafael cobrou do prefeito Beto, em exercício, mais ações para aquela comunidade quilombola. Beto informou que participou também pouco tempo, à noite, no sábado, porque ele tinha outros compromissos.


No final da tarde, quando estava perto do encerramento, caiu uma chuva que serviu para abaixar a poeira.
A bela a felicidade estão muitas vezes nas simples coisas.
Muitas vezes somos cegos.
tive um dia muito proveitoso.
''Equilíbrio do Ser''
Deusnocomando.

Foto


Comitê avaliador do concurso de beleza

 Prefeito Beto e Cida com o balaio doado pelo professor Rafael


                    Empresário  Jorge com o seu filho André, chegaram às 10h, saíram, às 13:40h.
                                           Rafael, Jorge com os filhos André e Alildo

 

Veja algumas imagens do 1o. pedal da Consciência Negra de Alagoa Grande, neste domingo, 24 de novembro, pela manhã

Agradecimento do professor Gisélio Marques. Gostaria aqui de agradecer em nome do grupo Alagoa Grande Bike a todos que apoiaram o evento (I Pedal da Consciência Negra de Alagoa Grande-PB) realizando dia 24/11/2013 e participaram da realização desse evento. Valeu de coração a presença das pessoas de Alagoa Grande, Juarez Távora, Campina Grande, João Pessoa, Alagoinha, Areia, entre outros.



Vamos todos visitar Caiana dos Crioulos
Os amigos Edson, Gilberto e Cristina participaram neste domingo, 24 de novembro, às 7h, do 1o. pedal da Consciência Negra de Alagoa Grande, sob a organização dos Professores Gilberto Filho e Gisélio Marques, Tito Motos e Lucas (Luquinha Box).



Estas novas imagens foram registradas no facebook de Edson Vieira.
Cida, coordenadora da comemoração da Consciência Negra de Alagoa Grande, recebeu os ciclistas com um lanche. Nesta foto vemos também o ciclista Gilberto Filho de Alagoa Grande.
O professor Rafael participou em Caiana, à tarde. Pela manhã, ele ficou na cidade, divulgando a programação, nas rádios PIEMONTE, com Nel Santos, no jornal de verdade da Rádio Cidade de Esperança, com Juarez Amaral e no Grande Jornal 850, edição de domingo, na Rádio Rural de Guarabira, com José Feliciano.


Para ver a programação em Caiana dos Crioulos, organizada por Cida, presidente da associação quilombola, clique em






                              Professor Rafael e Cristina.



 

Este é um dos grupos, dos mais de 30 ciclistas que participaram do passeio  até Caiana dos Crioulos, comandado por Edson, camisa vermelha, neste domingo.







 

Alagoa Grande participou do ODE 2013, 3ª Região Geoadministrativa, em Esperança com 38 pessoas, inclusive, o prefeito Bôda


As Cirandeiras do quilombola  Caiana dos Crioulos de
Alagoa Grande fizeram bonito em Esperança: cantaram, dançaram e reclamaram e reivindicaram a pavimentação da estrada em asfalto, de Alagoa Grande a Massaranduba.


 
                            Luciana com sua mãe Cida de Caiana e o professor Rafael
                                  Prefeito Bôda na audiência do ODE, em Esperança

                                    Haroldo representante do ODE 2013 em Alagoa Grande, Ulisse, Deda e esposa.
As pessoas que compareceram escreveram 3 prioridades, na ordem decrescente, sendo selecionadas as seguintes na audiência do Orçamento Democrático  Estadual 2013 (ODE): investimentos nas áreas de abastecimento d’água, estradas e saúde. A audiência  do ODE foi realizada na última sexta-feira (26 de abril de 2013), no ginásio poliesportivo “O Vovozão” de Esperança-PB, à noite.
 A 3ª Região Geoadministrativa é a maior em número de municípios, 39, ao todo e, por isso, teve as audiências regionais subdivididas em dois momentos. A primeira realizada em Esperança, com a participação da população de 16 cidades: Alagoa Nova, Alagoa Grande, Algodão de Jandaíra, Arara, Areia, Areial, Boa Vista, Esperança, Lagoa Seca, Matinhas, Montadas, Olivedos, Pocinhos, Puxinanã, Remígio e São Sebastião da Lagoa de Roça. A segunda vai ser realizada em Campina Grande.
Link,

Professor Rafael Rodrigues Reivindica a pavimentação em asfalto da estrada do quilombola caiana dos crioulos de Alagoa Grande

  Postagem do blogueiro Cristiano Alves em 4 de janeiro de 2012, que ainda está em tempo. 


Amanhã, 22 de abril de 2013, será o dia da reunião  do orçamento participativo em Alagoa Grande, cujos resultados serão apresentados ao governador, em Esperança, no dia 26. O nosso representante é o amigo Haroldo da Vila São João.


Professor Rafael Rodrigues Reclama




O Professor Alagoagrandense Rafael Rodrigues participou na manhã da quarta feira(04 de janeiro desse ano), do programa Espaço Aberto da Rádio Cultura de Guarabira para protestar quanto ao abandono da rodovia que liga a sua Terra a BR 230. Rafael reclamou e muito dos buracos existentes na estrada, sugerindo até ao Governo colocar piçarro para diminuir os transtornos. 


Ele também cobrou ao vivo o asfaltamento da estrada estadual de Alagoa Grande a Massaranduba, passando pelo quilombola Caiana dos Crioulos, que segundo o mesmo já foi prometida por vários políticos e nunca saiu do papel. Os ex-governadores José Maranhão e Cássio Cunha Lima já prometeram e não fizeram.


  

QUILOMBOLA CAIANA DOS CRIOULOS
Professor Lúcia Júlio com o microfone na mão, no dia 25 de novembro de 2012, na escola municipal do quilombola Caiana dos Criuolos de Alagoa Grande, na comemoração do dia da consciência negra.

Consciência negra perpassa pelos nossos discursos, é algo que está no DNA de cada um que deve assumir sua identidade e passar por cima do preconceito, é prática da cidadania no cotidiano e não só de ano em ano”, defende Lúcia Fátima.
O quilombola Caiana dos Crioulos em Alagoa Grande ainda está sofrendo por falta de uma estrada asfaltada, ligando o quilombo até o município de Alagoa Grande, infraestrutura, mais apoio para saúde e educação. Os governadores anteriores Cássio e Maranhão prometeram fazer esta pavimentação e nada fizeram. O atual governador RC, juntamente com o atual prefeito Bosco Júnio fizeram apenas uma recumperação da estrada de barro diminuindo os buracos. Afirmou Cida, presidente da associação quilombola  Caiana dos Crioulos.
Cida, esposo Sérgio, genro, duas netas gêmeas e uma das filhas,
em Caiana dos Crioulos.
Calçamento de alguns metros, servindo para subir e descer
a ladeira em Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande,
porém, estreito e de percurso muito pequeno.
Local próximo da residência de Cida, em Caiana dos Crioulos.
Professor Rafael em Caiana, a 7km de onde o pai dele nasceu

A LUTA PELOS DIREITOS DA POPULAÇÃO NEGRA CONTINUA. FICA A PERGUNTA POR QUE ALAGOA GRANDE NÃO PARTICIPOU DA PROGRAMAÇÃO DO GOVERNO DO ESTADO DA PARAÍBA DA SEMANA DA CONSCIÊNCIA NEGRA 2012?

POR QUE O QUILOMBOLA CAIANA DOS CRIOULOS DE ALAGOA GRANDE NÃO PARTICIPOU DA PROGRAMAÇÃO DO CAMINHOS DO FRIO DO GOVERNO DO ESTADO DA PARAÍBA?

 O dia da consciência negra foi comemorado no Brasil no dia 20 de novembro, em hmenagem ao Zumbi dos Palmares, que morreu, em 1695, lutando pela liberdade dos escravos. Esse ano em ALAGOA GRANDE, no próximo Domingo, haverá muitas atividades e eventos de conscientização da classe, no Grupo Escolar Firmo Santino, da comunidade de Caiana dos Crioulos.


http://rafaelrag.blogspot.com.br/2012/11/alagoa-grande-comemoracao-do-dia-da.html
 

Professora Lucia Julio, Diretora do Grupo Escolar do quilombola Caiana dos Crioulos e a Secretaria da Cultura do Municipio, convidam a todos para participarem da solenidade neste domingo, 25 de novembro de 2012. Afirmou Bibiu do Jatobá

Blog rafaelrag com o comando do povo pb

QUILOMBOLA CAIANA DOS CRIOULOS COMEMOROU O DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA NO DOMINGO, 25 DE NOVEMBRO DE 2012

Dona Edite cantando ao lado do professor Rafael, em frente ao teatro, em 20 de novembro de 2011


Dona Edite, comanda um grupo de cirandeiras em Alagoa Grande,  informou ao professor Rafael Rodrigues, que neste domingo, 25, será comemorado o dia da consciência negra no quilombola Caiana dos Crioulos em Alagoa Grande. Ela convida a todos para participar das atividades da comunidade para lembrar o dia da consciência negra, 20 de novembro, em homenagem ao Zumbi dos Palmares. Na programação terá palestras, danças e comidas. 


  O link para esta postagem com informações sobre o quilombola, em

 

Outras postagens sobre a festa de hoje, 25, em Caiana dos Crioulos de Alago Grande, favor clique em

  

Blog rafaelrag

 

QUILOMBOLA CAIANA DOS CRIOULOS DE ALAGOA GRANDE COMEMOROU, DOMINGO, 25 DE NOVEMBRO DE 2012, O DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA






Ontem, domingo, 25, foi mais um dia movimentado no quilombola  Caiana dos Crioulos em Alagoa Grande, sob o comando de Dona Edite e a professor Lúcia Júlio, que além de cantar ela ajudou na distribuição da comida para os participantes. Teve também exposição fotográfica "Olhares de Caiana", distribuição de livros e brinquedos para as crianças. Além de estudantes, professores e parte da população de Alagoa Grande, compareceram também representantes de outras cidades. O destaque para os estudantes da Faculdade Maurício de Nassau de João Pessoa que entregaram alimentos para a comunidade quilombola de Caiana dos Crioulos. Bibiu e sua esposa Irnar, secretária de Cultura e do Turismo do município de Alagoa Grande participaram somente pela manhã. O professor Diocélio Otílio rsponsável pelo cerimonial e a professora Lúcia Júlia, diretora da escola da comunidade quilombola de Caiana dos Crioulos, participaram pela manhã e tarde.
 
O professor Rafael Rodrigues (UFCG, campus Cuité) esteve no local do evento à tarde e levou uma  sexta-básica para ser sorteada, mas naquele momento chegaram também vários estudantes da Faculdade Maricio de Nassau, sob a coordenação do professor Wallace,  cada um com uma sexta-básica fazendo a alegria de muitos participantes da festa. 

Para ver esta postagem completa clique em mais informações





 Blog rafaelrag

Dia da Consciência Negra relembra Zumbi; saiba onde é feriado, 20 de novembro de 2012

Em 2011, Dilma Rousseff sancionou ligação da data com a morte de Zumbi.
Cabe às cidades decretar ou não feriado; São Paulo e Rio decretarão.

Adendo do blog rafaelrag. São mais de quinhentas cidades no Brasil que é feriado hoje, em homenagem ao Zumbi dos Palmares. Enquanto no Rio de Janeiro é feriado em todo o estado, na Paraíba é feriado somente em João Pessoa. A comunidade Caiana dos Crioulos em Alagoa Grande foi o primeiro quilombbola da Paraíba reconhecido pela fundação Cultural Zumbi dos Palmares.

Nesta terça-feira (20 de novembro de 2012), é celebrado o Dia Nacional do Zumbi e da Consciência Negra, que marca anualmente a morte do lider negro Zumbi dos Palmares. Apesar de a celebração ter sido oficializada pela presidente Dilma Rousseff em 2011, cada cidade pode decidir se decreta ou não feriado na data.
O Dia da Consciência Negra existe desde janeiro de 2003, pela lei nº 10.639, que também tornou obrigatório o ensino sobre história e cultura afro-brasileira. Em 2011, o que a presidente Dilma sancionou foi uma lei instituindo o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra, afim de lembrar o assassinato de Zumbi, em 1695, que morreu por lutar contra a escravidão dos negros no Brasil.
De acordo com Mônica Oliveira, diretora de programas da Secretaria de Políticas de Promoção de Igualdade Racial (SEPPIR-PR), este dia serve como um dos pontos de uma "valorização da população negra". "Com a lei de 2003, esta valorização já era pontuada e, agora, com a lembrança da morte do lider Zumbi, ela ganha mais força."
Mônica explica também que o fato de ser ou não feriado nas cidades não altera muito a simbologia do dia. "A importância de se valorizar a população negra e lembrar a importância da resistência de Zumbi frente à escravidão não pode ser reduzida a ser ou não ser feriado em alguma cidade. A questão é muito mais ampla."
Tanto a lei de 2003 quanto o decreto de Dilma Rousseff, em 2011, deixam a critério de cada município decidir se o dia 20 de novembro será feriado ou ponto facultativo, por isso ele não se enquadra na lista de feriados nacionais. No último mês de cada ano, o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão divulga uma lista com os feriados nacionais do ano seguinte. Os feriados de 2012 totalizam oito. O próximo será o Natal, em 25 de dezembro.

Quem foi Zumbi

Zumbi nasceu no início de 1655, numa das aldeias do Quilombo de Palmares. Com poucos dias de vida, ele foi capturado por soldados portugueses comandados por Brás da Rocha Cardoso. O garoto foi entregue ao padre português Antônio Melo, que o batizou com o nome de Francisco.
O padre ensinou Zumbi a ler e escrever em português e latim. Quando tinha 15 anos, Zumbi fugiu da casa do padre e voltou para o Quilombo de Palmares, trocando seu nome cristão de Francisco pelo nome africano Zumbi.
Ele se tornou um grande guerreiro e estrategista militar na luta para defender Palmares contra os soldados portugueses. Porém, em 1678, Ganga-Zumba, então o chefe do quilombo, assinou um acordo de paz com o governo de Pernambuco. A decisão não foi aceita pelos quilombolas e Zumbi rompeu com Ganga-Zumba e se transformou no grande chefe.
Durante os anos de 1680 a 1691, Zumbi conseguiu derrotar todas as expedições enviadas contra o Quilombo dos Palmares.
O guerreiro só foi capturado no dia 20 de novembro de 1695. Traído por um dos seus comandantes, Antônio Soares, Zumbi foi morto, esquartejado e teve a sua cabeça exposta em praça pública na cidade de Olinda, em Pernambuco.
Blog rafaelrag com portal G1

2 comentários:

Uma boa postagem em referencia ao Dia da Consciencia Negra.É preciso mais que feriado,divulgar a importancia historica de Zumbi e toda a trajetoria da Abolição.Aqui em Salvador uma estatua em praça publica, mas quase não vejo um ato de reverencia ao Zumbi.Aqui apenas ponto facultativo,que deixa muita gente indignada por não ser feriado uma cidade de maioria negra.Mas o que deve se notar é como vive esta maioria.
Parabéns pela partilha Rafael.
Meu abraço.

blog rafaelrag

Governo lança ações para promoção da igualdade racial e cidadania

Adendo do blog rafaelrag. Por que Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande ficou de fora da programação do governo do estado da Paraíba? Cida presidente da associação deste quilombola não soube responder esta questão. Ela informou por telefone  hoje, 18, que neste domingo vai participar com o seu grupo de Cirandeiras no quilombola de Pedra D´água e no próximo domingo em Matias. No próximo domingo, 25, vai ter um evento emCaiana dos Crioulos de Alagoa Grande organizado por Dona Edite.
Professor Rafael, Cida, repentista Soledade e Luciana (cantora, filha de Cida está escrita nas cotas dos vestibulares da UFPB, UFCG e UEPB), em uma festa na associação quilombola Caiana dos Crioulos de Alogoa Grande.
    Cida organizou esta homenagem ao dia da mulher, 8 de março de 2012. Amanhã faremos uma postagem com mais fotos deste evento.
O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Mulher e da Diversidade Humana (Semdh) e da Gerência Executiva da Equidade Racial, apresenta nesta segunda-feira (19), as ações para promoção da igualdade racial e da cidadania da população negra. O ato, alusivo ao Mês da Consciência Negra, acontece às 9h, no Centro Cultural São Francisco, Centro.  Também participam do evento as secretarias de Educação, Segurança e Defesa Social, Desenvolvimento Humano, Juventude Esporte e Lazer, Cultura e Saúde.
A programação inclui a assinatura do decreto pelo governador Ricardo Coutinho para inclusão do quesito cor/raça nas fichas de atendimento e prontuários das secretarias e órgãos do Governo. Haverá apresentação dos programas A Cor da Cultura, Olhos Coloridos, Prima, Disque Denúncia Racismo, Programa Brasil Quilombola e formação para os profissionais dos Centros Sociais Urbanos.
Na avaliação da secretária executiva da Semdh, Gilberta Soares, a questão do quesito raça/cor é fundamental para visibilizar a realidade das pessoas negras no Estado e possibilitar o recorte racial na implementação de políticas públicas. “É um começo tardio na história das políticas públicas estaduais, porém se faz necessário e provocará impacto”, afirmou.
Programação 

LIVRO DO PROFESSOR NOVAES DA UFPB SOBRE CAIANA DOS CRIOULOS DE ALAGOA GRANDE

Segue abaixo o título e o resumo do livro do professor  José Antônio Novaes da Silva da UFPB, campus I, em portugês e inglês.
                              
                              Professores Antônio Novais e Rafael, no auditório
                                      do Centro de Ciência Agrária da UFPB, em Areia,
                                      onde foi realizado o primeiro seminário sobre
                                      comunidades quilombolas na Paraíba, 23 de novembro de 2011.

 
                                      Professora Lucina (de blusa branca) do
                                      Curso de química a UFPB, Areia.
                 Cida chegando com o filho Abraão na cidadade de Alagoa Grande.
Cida presidente da associação quilombola Caiana dos Crioulos
com a camisa do seminário realizado na UFPB,
em 23 de novembro de 2011.
Condições sanitárias e de saúde em Caiana dos Crioulos, uma comunidade Quilombola do Estado da Paraíba / Sanitary and health conditions at Caiana dos Crioulos, a quilombo community in the State of Paraíba 

Resumo: Objetivou-se neste trabalho apresentar as condições sanitárias e de saúde humana em Caiana dos Crioulos, reconhecida pela Fundação Cultural Palmares como uma comunidade remanescente de quilombos, em maio de 2005, e efetuar um levantamento sobre o nível de conhecimento de algumas doenças prevalentes na população negra, bem como discutir a utilização da variável "raça" na pesquisa em saúde. A comunidade apresenta uma população de aproximadamente 522 pessoas, majoritariamente crianças e adolescentes, cuja grande maioria apresenta ancestralidade africana, sendo 93 por cento de seus habitantes autoclassificados pretos, negros, morenos. O sustento da comunidade é obtido, principalmente, por meio de plantações de subsistência. Apesar da inexistência de condições sanitárias apropriadas em Caiana dos Crioulos, como água corrente limpa para consumo humano e esgoto sanitário tratado, nenhuma doença relacionada à água nem agravos à saúde humana foram observados na população local. Dentre os problemas de saúde e agravos observados, destacam-se o consumo de álcool, a hipertensão e os problemas mentais. As pessoas têm apenas uma idéia aproximada desses problemas, mas desconhecem informações básicas a respeito de doenças e agravos prevalentes na população negra, tais como anemia falciforme e hipertensão.(AU)

This work aimed to present the conditions of sanitation and human health at Caiana dos Crioulos, accredited in May 2005 by the Fundação Cultural Palmares as a remnant community of 'quilombos', to carry out a survey on the knowledge level that black people have on prevalent diseases in the African ancestry population, as well as to discuss the variable 'race' in health research. The community is formed by 522 persons, most of them are infants and adolescents, mostly of African ancestry, where 93 percent of them self-proclaim as black, negro, or 'moreno' (dark-complexioned person). They are supported basically by subsistence agriculture. Despite non-existent proper sanitary conditions in the village of Caiana dos Crioulos, like clean running water for human consumption and treated sewage, neither water-borne diseases nor serious injuries to human health were observed in the human population. The most noteworthy health problems and injuries observed in the population were the consumption of alcohol, hypertension, and mental disorders. Local people have just a vague idea of such problems but they ignore basic information of prevalent diseases and injuries in black population like sickle cell anemia and hypertension.(AU)

Blog rafaelrag 
Link para esta postagem,


COMUNIDADES QUILOMBOLAS NECESSITAM DE MAIS APOIO

Postagem de abril de 2012


  • Quilombolas caianas dos Mares e Crioulos em Alagoa Grande: um povo que sofre por falta de infraestrutura.

    Falta de infraestrutura nos quilombolas caiana dos Mares e Caiana dos Crioulos, lazer, quadra de esporte, segurança, principalemnte, durante à noite, o posto de saúde está funcionando somente alguns dias da semana, mais apoio para as cirandeiras e o pessoal da capoeira.

    A principal reivindicação do povo de Caiana dos Crioulos é a pavimentação em asfalto da estrada que liga o Quilombola ao município de Alagoa Grande, em um percurso de 14km. Muitos políticos prometeram e não fizeram.
    Não é de nosso conhecimento que um requerimento tenha sido encaminhado ao governador Rircado Coutinho solicitando que seja feito esta pavimentação, afirmou o Professor Rafael Rodrigues (UFCG-Campus Cuité-PB).
    O Senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) iniciou a semana passada manifestando a sua preocupação com as famílias que hoje integram as chamadas comunidade quilombolas no Estado da Paraíba. O parlamentar disse que essas comunidades descendentes de afro-brasileiras ainda enfrentam uma série de dificuldade para manter sua cultura, sofrendo principalmente com a falta de infraestrutura. 
    Veja a matéria completa, sobre o senador Vitalzinho defendendo a comunidade quilombola, favor clique em

    O ÔNIBUS NÃO TEM PORTA-BAGAGEM E ESTÁ SEMPRE EM MANUTENÇÃO POR CAUSA DOS BURACOS NA ESTRADA
    Link par esta postagem, favor clique em


      O professor Rafael conversou com os passageiros do ônibus particular que faz o transporte do povo de Caianas dos Mares e Crioulos, no dia de feira livre em Alagoa Grande.
    •                                       Deca, proprietário e motorista do ônibus.

                                           Professor Rafael Rodrigues, conversou com 
                                           o povo de Caiana, na feira livre de Alagoa Grande.
                                         Ivanildo de Sapé de Julião e o Sr. Antônio Felismino
                                         viajam no ônibus todos os sábados.


                                            Superlotação no ônibus que tramsporta o pessoal
                                            da comunidade quilombola

       
      Segue abaixo o Sr. Antônio Sebastião Felismino e família chegando em   sua residência com a esposa e suas nove filhas.



      Mais apoio


      O vereador Fabiano Luz informou no dia 25 de abril, que enviou um requerimento ao Senador Vitalzinho pedindo um ônibus para tansportar o povo de Caiana dos Crioulos e Mares de Alagoa Grande-PB.
      Hoje, 25 de novembro de 2012, fica a pergunta. Qual foi o resultado deste requerimento? 

      Blog rafaelrag




























    1. Obrigado Toinho pelo seu comentário. Amanhã postarei um de seus contos neste blog. 
      Link para esta postagem, favor clique em


    Entra no ar a primeira rádio comunitária quilombola da Paraíba



    Dalmo Oliveira (centro) e Beto Palhano recebem artistas locais na inauguração da rádio Mituaçu
    Depois de anos de luta pela implementação de sua rádio comunitária, a comunidade
    localizada no sítio Mituaçu, zona rural do município do Conde, Paraíba, inaugurou no último domingo (10)  a rádio comunitária Mituaçu FM na frequência 87.9 A emissora entra no ar para atender uma população estimada em 2 mil  pessoas. Na estreia, o comunicador Dalmo Oliveira, do Movimento Negro da Paraíba e da Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares, comandou as entrevistas e participações de lideranças e artistas locais.
    Link,





    COMEMORAÇÃO DO DIA 08 DE MARÇO DE 2012 EM CAIANA DOS CRIOULOS DE ALAGOA GRANDE

    MULHERES DE CAIANA, HISTÓRIA, TRADIÇÃO E TRAJETÓRIA DE LUTA


    Programação
    
    
    
    13h - ACOLHIDA
    Valdízia Maria Silva do Nascimento (OMNC/CAIANA)
     
    13h20MIN - 1ª MESA: MEMÓRIA DE TRÊS MULHERES: MARGARIDA MARIA ALVES, MARIA
    BRAZ E SEBASTIANA (TIANA)
    Maria Benvinda da Silva
    Edite José da Silva (Dona Edite) - (OMNC/CAIANA)
    Elza Ursulino do Nascimento - (OMNC/CAIANA)
    Mediadora: Valdízia Maria Silva do Nascimento (OMNC/CAIANA)
     
    13h50MIN - 2ª MESA: VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER E LEI MARIA DA PENHA
    Bamidelê - Organização de mulheres negras na Paraíba
    
    15HORAS - 2ª MESA: CULTURA(S) DE CAIANA: MEMÓRIA, TRADIÇÃO E RESISTÊNCIA 
    Prof.ª Dr.ª Maria Lindaci Gomes de Souza (NEAB-Í/UEPB)
    Prof.ª Dr.ª Patrícia Cristina de Aragão Araújo (NEAB-Í/UEPB)
    Prof. Janailson Macêdo Luiz (Mestrando em História PPGH/UFCG e NEAB-Í/UEPB)
    Prof.ª Maria das Dores da Silva Lima (Graduada em Letras e Literatura –
    FAMA/RJ)
    Mediadora: Elza Ursulino do Nascimento (OMNC/CAIANA)
     
    16h30MIN - ENCERRAMENTO: APRESENTAÇÃO DAS CIRANDEIRAS DE CAIANA DOS CRIOULOS 
    Local: Escola Municipal Firmino Santino da Silva, em Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande
     
    Realização: Organização das  Mulheres Negras de Caiana (OMNC)
     
    ADENDO 
    
    
    Professor Rafael Rodrigues (UFCG-campus Cuité), no dia 4 de março de 2012, visitou  a comunidade de Caiana dos Crioulos a 14km do centro da cidade de Alagoa Grande, que se prepara para a comemoração do dia 08 de março, em homenagem ao dia internacional da mulher. 


    Cida, presidente da Associação Quilombola de Caiana,  informou  ao professor Rafael que todo  primeiro domingo do mês tem reunião com a comunidade e está aberto a participação de quem quiser contribuir.


                                 Cida com suas duas netas gêmeas Maria Maisa e Maria Maira, genro Emanuel e sua filha Adriana acompanhada de seu  esposo Emanuel, em Caiana dos Crioulos, domingo, 4.

    A explicação deste calçamento que aparece na foto será  postada no próximo dia oito.


    Marcelo Avexado enviou um email(marcelo@avexado.com) com a mensagem abaixo.  
    Bom dia a todos!
    
    Conforme informações recebidas da Secretaria de Cultura de Alagoa Grande,
    na pessoa de Bibiu do Jatobá, encaminho a todos programação do evento em
    comemoração ao Dia Internacional da Mulher, que será realizado na
    comunidade quilombola de Caiana dos Crioulos.

    Blog rafelrag 

    Colaboração do Bibiu do Jotabá, esposo de Irnar, Secretária de Cultura e Turismo do Município de Alagoa Grande.




    COMO FOI EM 2011? 







    DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA FOI COMEMORADO EM ALAGOA GRANDE, MAS FOI LAMENTÁVEL A AUSÊNCIA DE POLÍTICOS E DO PÚBLICO EM GERAL NO DEBATE DO TEATRO SANTA INGNEZ, NO DIA 19 DE 2011.

    O link para esta postagem é

     

    OS PRIMÓRDIOS DA IMPRENSA NEGRA PAULISTA
    Tendo como principais centros de mobilização as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, os movimentos sociais afro-brasileiros começam a trilhar novos caminhos a partir de meadosdos anos 1910, numa tentativa de lutar pela cidadania recém-adquirida e evoluir para organizações de âmbito nacional. A primeira grande manifestação neste sentido é o surgimento da imprensa negra paulista, cujo primeiro jornal, O Menelick, começa a circular em 1915. Seguem-lhe A Rua (1916), O Alfinete (1918), A Liberdade (1919), A Sentinela (1920), O Getulino e o Clarim d' Alvorada (1924). Esta onda perdura até 1963, quando foi fechado o Correio d'Ébano. Estes jornais possuíam como característica principal, o fato de não se envolverem na cobertura dos grandes acontecimentos nacionais (os quais, cautelosamente, evitavam). Conforme assinala Moura,[9] tratava-se de "uma imprensa altamente setorizada nas suas informações e dirigida a um público específico".

    ATIVIDADES REALIZADAS NO TEATRO SANTA INGNEZ DE ALAGOA GRANDE, 19 DE NOVEMBRO DE 2011

     
    Antes da apresentação das cirandeiras de Caiana dos crioulos, comandadas por Dona Edite, dia 19, teve uma mesa redonda no teatro Santa Ignez, sobre a Cidadania AFRO. Comporam a mesa os seguintes representantes: Prof. Dr. Waldeci Ferreira Chagas (UEPB-CH-NEABI), Prof. Wallace F. Sousa (UFCG), Dona Edite, Bibiu do Jatobá,  esposo da Secretária de Cultura do Município de Alagoa Grande e responsável pela organização do evento, que foi patrocinado pela prefeitura Municipal.   
    Também participou da mesa redonda Luiza Regina da Secretaria em Defesa da Mulher e da Diversidade Humana do governo estadual. No dia seguinte ela particou do dia da consciência Negra em Caiana dos Crioulos, representando o governador Ricardo Coutinho.
    Esteve presente as cirandeiras de Caiana dos Crioulos, comandada por Dona edite, o secretário de comunicação Robson Filho, a  Secretária de Cultura do Município de Alagoa Grande, Irnar Francisca da Silva, Elsa Agente de Saúde de Caiana dos Crioulos, as professoras do município Marlene Brito e Lucia de Fátima Júlio, coordenadora dos estudos AFROS da prefeitura Municipal de Alagoa Grande, José Guedes, prof. Aracélio, diretor da Escola Municipal de Caiana dos Crioulos, o prof. Rafael da UFCG Campus Cuité-PB e seu casal de filhos Renan e Camille. Compareceu também a recém graduada em Pedagogia pela UAB-UFPB, polo Campina Grande, professora Gicélia Marques Guimarães. O convidado de Guedes foi Cícero e sua esposa Josefa, que centaram na primeira fila.
    Depois dos membros da mesa falarem, foi dado o espaço para a platéia participar, o que na ocasião falaram Elsa, Guedes e o diretor Aracélio. No final todos que compareceram ao debate assistiram a apresentação das cirandeiras de Caiana dos Crioulos, em frente ao teatro.
    As atividades no teatro foram interessantes, no debate foi dado ênfase sobre a propriedade da Terra pelos residentes da comunidade do Quilombola Caiana dos Crioulos. Guedes, resumiu da seguinte forma: a fundação Quilombola dos Palmares se acosta no ministro da Cultura, dizendo que a propriedade é do próprio residente. Outro questionamento foi sobre o documento do INCRA demarcando uma pequena quantidade de Terra para o plantio, o qual não deveria ser único e sim por residência, mas foi lamentável a ausência de autoridades, políticos e o público em geral foi pequeno, afirmou o prof. Rafael Rodrigues (UFCG-campus Cuité). 

    Bibiu conversando com Luiza Regina




    Secretária Irnar Francisca e José Guedes
    Elsa, agente de Saúde de Caiana dos Crioulos
    Diretor Aracélio
    Professora Marlene Brito
    Professor Rafael com o seu filho Renan
    Dona Edite cantando ao lado do professor Rafael em frente ao teatro Santa Ignêz
    Professora Lucia de Fátima Júlio, coordenadora
    dos estudos AFROS do município de Alagoa Grande
    Professor Rafael acertando o passo com Renan e Camille

    AS FOTOS ABAIXO DO QUILOMBOLA CAIANA DOS CRIOULOS COMEMORANDO O DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA, 20 DE NOVEMBRO DE 2011, FORAM CEDIDAS POR BIBIU ORGANIZADOR DO BLOG DA CULTURA DE ALAGOA GRANDE

    Dona Edite se apresntando no dia 20 de novembro
    Secretário de Comunicação Robson Filho dando apoio

    Outras fotos foram postadas em

    http://culturadealagoagrande.blogspot.com/2011_11_01_archive.html


    Caiana. Governador em exercício em sua passagem na segunda-feira, 09 dee abril de 2011, por Alagoa Grande recebeu reivindicação de Caiana dos Crioulos

       Goveranador Abraham, Dona Edite cirandeira de Caiana dos Crioulos,
        ministro Garibaldi, prefeito Bosco Júnior
     
    No final da solenidade de inauguração da agência do INSS, o Professor Rafael entregou a principal reivindicação da Comunidade Quilombola de Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande-PB em mãos ao governador em exercício Abraham Lincoln, que esteve na segunda-feira, 09, nesta cidade, para a inauguração da agência do INSS. O documento com fotos é baseado na postagem do dia 1 de abril neste blog rafaelrag, divulgando o evento que foi realizado naquele quilombola. 

    http://rafaelrag.blogspot.com.br/2012/03/neste-domingo-01-de-abril-sera.html


    Trata-se da melhoria nas condições de infraestrutura em Caiana do Agreste e Caiana dos Crioulos e a reivindicação da pavimentação em asfalto da estrada de 14km, que liga o centro da cidade de Alagoa Grande a comunidade quilombola Caiana dos Crioulos. Esta é uma reivindicação antiga que servirá para desenvolver o potencial turístico e encurtará a distância de Alagoa Grande para Campina Grande, passando por Caiana dos Crioulos e Massaranduba.
    Foi com muita felicidade que cheguei a tempo, quando o ministro Garibaldi Alves Filho estava com a palavra e depois o governador em exercício Abraham Lincoln, pois divulguei o blog rafaelrag para o governador e entreguei a reivindicação da comunidade quilombola Caiana dos Crioulos, afirma o professor Rafael Rodrigues da UFCG-campus Cuité-PB.
    http://alagoinhaemfoco.blogspot.com.br/2012/04/governador-recebe-reivindicacao-de.html

                                             Professor Rafael esperando o governador para 
                                             entregar a reivindicação de Caiana dos Crioulos.
                                                Nesta foto, o professor Rafael entrega ao governador em exercício a
                                     reivindicação da comunidade quilombola Caiana dos Crioulos.
     
    Assunto relacionado, um povo que sofre por falta de uma estrada asfaltada, favor clique em


     
    GOVERNADOR EM EXERCÍCIO FOI
    APROVADO EM  SEU PRIMEIRO 

    CONCURSO PARA
    JUIZ
    COM UM ALAGOA-GRANDENSE
    O  governador em exercício prestou exame para Juiz pela primeira vez com  Alagoagranse e foi aprovado em 1º lugar,   se classificaram mais 6 candidatos.  O 3º.  colocado foi o Alagoagrandense  Dr.  José Raimundo  de Lima, tio do professor  Rafael de Lima Rodrigues. Ele  foi nomeado juiz de direito pela primeira vez  na comarca de  Esperança e o Dr. José Raimundo  na comarca de  conceição.
    O  governador em exercício é o  atual presidente do Tribunal de Justiça (TJ), desembargador Dr.  Abraham Lincoln da Cunha Ramos e Dr. José Raimundo de Lima é procurador  de justiça com exercício  ao lado do atual presidente do TJ, ambos residem em João Pessoa.
    Link para estapostagem
    Blog rafaelrag
    Ciências e Educação



    QUILOMBOLA DE CAIANA DOS CRIOULOS. UM POVO QUE SOFRE POR FALTA DE UMA ESTRADA ASFALTADA.

    TERMINA NESTE DOMINGO, 11 DE NOVEMBRO DE 2011,  A SEMANA DA COMEMORAÇÃO DA CONSCIÊNCIA NEGRA  EM ALAGOA GRANDE

    O Dia Nacional da Consciência Negra é celebrado em 20 de novembro no Brasil e é dedicado à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira. A semana dentro da qual está esse dia recebe o nome de Semana da Consciência Negra.
    A data foi escolhida por coincidir com o dia da morte de Zumbi dos Palmares, em 1695. O Dia da Consciência Negra procura ser uma data para se lembrar a resistência do negro à escravidão de forma geral, desde o primeiro transporte de africanos para o solo brasileiro (1594).
    Algumas entidades como o Movimento Negro (o maior do gênero no país) organizam palestras e eventos educativos, visando principalmente crianças negras. Procura-se evitar o desenvolvimento do auto-preconceito, ou seja, da inferiorização perante a sociedade.

    Outros temas debatidos pela comunidade negra e que ganham evidência neste dia são: inserção do negro no mercado de trabalho, cotas universitárias, se há discriminação por parte da polícia, identificação de etnias, moda e beleza negra, etc.

    O dia é celebrado desde a década de 1960, embora só tenha ampliado seus eventos nos últimos anos.


    A principal reivindicação do povo de Caiana dos Crioulos é a pavimentação em asfalto da estrada que liga o Quilombola ao município de Alagoa Grande, em um percurso de 14km. Muitos políticos prometeram e não fizeram, afirmou o Prof. Rafael Rodrigues (UFCG-Campus Cuité-PB).

    Segue abaixo o Sr. Antônio Sebastião Felismino e família chegando em  casa para comemorar o aniversário de seu neto Carlos Daniel, com mais 4 netos, sua esposa, suas nove filhas e convidados. O prof.  Rafael foi convidado também.




                                          Beta, mãe de Daniel, acendendo a vela
                                           na casa de Sr. Antônio.



                                          Professor Rafael chegando na casa do pai
                                          de Beta, Antônio Felismino, no dia do batizado
                                           e comemoração do aniversário de Daniel.

    PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO DO QUILOMBOLA CAIANA DOS CRIOULOS, CIDA, E A PROFESSORA LÚCIA  FÁTIMA DE ALAGOA GRANDE PARTICIPARAM DO EVENTO EM AREIA-PB

    O I Seminário de Estudos Quilombolas e I Encontro das Comunidades Quilombolas da Paraíba aconteceu de 21 a 22 de novembro de 2011, no Centro de Ciências Agrárias, campus III da UFPB, Areia-PB, contou com a participação de representantes de outros estados. Após fazer uma pesquisa não é de nosso conhecimento uma divulgação do resultado do mesmo, o que fez necessário o registro abaixo. Com esta divulgação espero conseguir mais fotos para serem postadas neste blog.

    O prof. Rafael estava passando, por volta das 12h, para ministrar aulas em Cuité e viu a faixa, esteve no local durante o intervalo do almoço, falou da divulgação das comemorações em Alagoa Grande, ganhou uma camisa do evento e conseguiu falar com o  prof.  Antônio Novais do Curso de Ciências Biológicas do Campus I da UFPB, que fez uma apresentação das questões de saúde da comunidade de Caiana dos Crioulos. Perguntamos se ele poderia resumir a sua fala para ser divulgada no blog Ciência e Educação? Respondendo ele disse, é com satisfação que sim. Falei dos problemas de saúde da população Negra de Caiana dos Crioulos, que começa pela dificuldade de acesso ao Quilombola Caiana dos Crioulos, para os médicos e as ambulâncias se deslocarem em estrada de barro vermelho, do centro da cidade de Alagoa Grande até a localidade. Há localidade que o carro não consegue chegar. Acho que a comunidade tem muito problema de saúde, é muito carente, vulnerável e precisa de atenção dobrada por partes das autoridades do município de Alagoa Grande. Alguns membros da comunidade sofre de hipertensão e a doença falciformes (anemia hereditária, que precisa fazer o tratamento a cada 3 meses na capital da Paraíba.), respondeu o professro Novais.
    Precisamos reivindicar do governo federal mais apoio, fazer a pavimentação em asfalto de 14km do centro da cidade de Alagoa Grande até o quilombo Caina dos Crioulos e, principalmente, a demarcação do território Quilombola, acrescentou o professor Rafael Rodrigues (UFCG-Campus Cuité).
    O Professor Rafael ligou para Severino Antônio (Bibiu), assessor da secretaria de Cultura e Turismo do Município de Alagoa Grande, contato email severinopb@uol.com.br, celular 83-91060287, http://culturadealagoagrande.blogspot.com e ele falou que não recebeu o convite, ligou também para Cida e ela estava dentro do ônibus saindo da cidade de Alagoa Grande indo para casa. Coloquei alguns professores e a estudante Rafaela, da comissão organizadora do evento, para falar com ela e fizeram o convite que foi prontamente aceito por Cida, para participar, às 14h, do Encontro de Comunidades Quilombolas. Cida desceu do ônibus de Deca, que estava indo para Caiana, entrou no ônibus da empresa  Bela Vista e foi até o local do evento em Areia-PB.

                                                 Professora Lucina (de blusa branca) do
                                                     Curso de química a UFPB, Areia.

                                          Professores Antônio Novais e Rafael, no auditório
                                          do Centro de Ciência Agrária da UFPB, em Areia,
                                          onde foi realizado o evento.

                                          Cida chegadno na cida de Alagoa Grande.
    Cida com a camisa do evento.
    Ao cantar a música do Negro, Cida emocionou a todos presentes. No final, um professor que veio de Salvador deixou ela em Caiana dos Crioulos. Cida disse que ficou muito feliz com o nosso convite e gostou muito do encontro de comunidades quilombolas realizado, à tarde no segundo dia do evento, no auditório da UFPB-Areia-PB.  A professora Lúcia de Fátima não  compareceu neste turno e, por sua vez, não viu a participação de Cida.

    PROFESSORA LÚCIA  DE FÁTIMA DE ALAGOA GRANDE FOI CONVIDADA PARA PARTICIPAR DO EVENTO EM AREIA
     
    Na parte da manhã teve a apresentação de um grupo de capoeira de Caiana, coordenado por Toinho,  e a palestra da professora Lúcia de Fátima Júlio de Alagoa Grande. Ela atualmente é a diretora da Escola Firmo Santino da Silva, que  está localizada na comunidade rural de Caiana de Crioulos, reconhecida pela Fundação Palmares. Esta escola foi recentemente premiada entre as 3 melhores escolas de comunidades quilombolas do Brasil. No local vivem cerca de 200 famílias descendentes de quilombolas. 
    Ela destacou as conquistas que a população negra de Alagoa Grande conseguiu ao longo dos anos. Lúcia atribuiu os avanços as lutas travadas por meio da educação e movimentos organizados por pessoas que abominam todo e qualquer tipo de atitude discriminatória contra as classes que vivem em situação de vulnerabilidade social.
    “Consciência negra perpassa pelos nossos discursos, é algo que está no DNA de cada um que deve assumir sua identidade e passar por cima do preconceito, é prática da cidadania no cotidiano e não só de ano em ano”, defende Lúcia Fátima.

                                      Cida, esposo Sérgio, genro, duas netas gêmeas e uma das filhas,
                                      em Caiana dos Crioulos.
                                        Calçamento de alguns metros, servindo para subir e descer
                                        a ladeira em Caiana dos Crioulos de Alagoa Grande,
                                        porém, estreito e de percurso muito pequeno. 
                                Local próximo da residência de Cida, em Caiana dos Crioulos.

    VEJA ABAIXO A POSTAGEM DE DIVULGAÇÃO DE UM IMPORTANTE  EVENTO NO PORTAL DA UFPB REGISTRADO NESTE BLOG
    http://rafaelrag.blogspot.com.br/2012/03/presidente-da-associacao-do-quilombola.html

    Campus II sedia eventos sobre Comunidades Quilombolas

    Os encontros vão reunir nos dias 21 e 22 de novembro, em Areia, representantes da UFPB, Incra, Gajop e UFAL; discutirão princípios da legislação brasileira
     
    O município de Areia, no brejo paraibano, sedia nos dias 21 e 22 de novembro o I Seminário sobre Estudos Quilombolas e o Primeiro Encontro de Comunidades Quilombolas. Os eventos acontecem no Salão Nobre do Centro de Ciências Agrária (CCA), Campus II da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).
     
    Os encontros vão reunir representantes da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários, Departamento de Ciências Fundamentais e Sociais, ambos da UFPB, Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), Gabinete de Assessoria Jurídica das Organizações Populares de Pernambuco (GAJOP), e Centro de Educação da Universidade Federal de Alagoas (UFAL).
     
    A proposta principal é fomentar espaços de discussões sobre as Comunidades Quilombolas de acordo com os princípios da Lei Federal 10.639/03 e do Decreto 4.887/03. A legislação exige o ensino dos conteúdos sobre a África e suas influências na sociedade brasileira e o reconhecimento das comunidades quilombolas. O evento também proporcionará o I Encontro de Comunidades Quilombolas da Paraíba no intuito de garantir espaços de discussões e demandas das comunidades remanescentes de quilombolas.
     
    Ainda fazem parte dos objetivos do evento fomentar ações didáticas que possibilitem o reconhecimento da contribuição da população quilombola no desenvolvimento do Brasil e na microrregião do brejo paraibano no estado da Paraíba e identificar as demandas de ações sociais e agroecológicas que as comunidades quilombolas da região apresentam.
     
    Na segunda-feira (21), a abertura está prevista para às 9h no Salão Nobre com o professor Djail Santos, Diretor do Centro de Ciências Agrárias e Lúcia Guerra, Pró-Reitora de Extensão e Assuntos Comunitários, em seguida, apresentação cultural. A abertura prossegue com a mesa redonda - Educação e Direitos Humanos: reconhecendo a diversidade brasileira com as participações dos professores Marconi Pequeno da UFPB e Esther Fontes do Incra. O mediador será o professor Paulo César Géglio.
     
    À tarde a partir das 14h, a programação prossegue com apresentação cultural e em seguida a mesa redonda - Lei 10.693: suas diretrizes e implantações no cotiodiano escolar com as participações das professoras Ana Cristina Silva da Rosa, pesquisadora em políticas educacionais; Lúcia de Fátima Júlio de Alagoa Grande; e Rosely de Almeida Ribeiro, secretária de Educação da cidade de Areia. O mediador será o professor Rosivaldo Gomes de Sá Sobrinho.
     
    A programação tem continuidade na terça-feira às 9h, com apresentação cultural e a mesa redonda - Comunidades Quilombolas: direitos legais e ações com os professores José Antonio Novaes do Programa de Pós-Graduação em Educação da UFPB; Luis Gustavo Magnata Silva do Gabinete de Assessoria Jurídica das Organizações Populares de Pernambuco; e Edna Cristina do Prado do Centro de Educação da Universidade Federal de Alagoas. O mediador é o professor Rosivaldo Gomes de Sá Sobrinho do Departamento de Ciências Fundamentais e Sociais do CCA de Areia.
     
    No período da tarde, às 14h, encerrando as atividades, será realizado o Encontro das Comunidades Quilombolas com mediação do professor Rosivaldo Gomes de Sá Sobrinho. Às 17h, apresentação cultural seguido de um coquetel.
     
    São parceiros a Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ) e Prefeitura Municipal de Areia.
     
    Informações e inscrições dos eventos no endereço eletrônico http://www.cultivandoautonomia.wordpress.com.     
     
    Fonte: 
    Agência de Notícias da UFPB - Marcos Figueiredo
     
    Adendo blog rafaelrag.

    Justificativas e objetivos do evento Realizado na UFPB, camus Areia


    De 22 e 23 de novembro de 2011
    O evento contribuirá na constituição de ações afirmativas quanto à inclusão da população quilombola.
    O principal objetivo é fomentar espaços de discussões sobre Comunidades Quilombolas de acordo com os princípios da Lei Federal 10.639/03 e do Decreto 4.887/03, na qual, respectivamente, exige o ensino os conteúdos sobre a África e suas influências na sociedade brasileira e o reconhecimento das comunidades quilombolas. O evento também proporcionará o I Encontro de Comunidades Quilombolas da Paraíba no intuito de garantir espaços de discussões e demandas das comunidades remanescente de quilombolas.
    Justificativa
    A sociedade brasileira é marcada pela diversidade de etnias e culturas que ao longo dos anos da história da educação brasileira não houve o reconhecimento e a valorização destas etnias, centralizando-se a educação escolar assim como uma sociedade em um modelo de educação eurocêntrico e ocidentalizado. Tanto a população indígena quanto à população quilombola brasileira não foi reconhecida em seus direitos civis e não teve acesso a uma educação de boa qualidade de ensino. Especificamente, sobre as populações quilombolas no Brasil, só a partir da Constituição Federal de 1998, e do artigo 68 das Disposições Constitucionais Transitórias da Constituição (ADCT) é que suscita uma série de questões e necessidades socioeconômicas, jurídicas, espaciais, e culturais, exigindo-se da sociedade uma nova maneira de ver e reconhecer esta parcela da população brasileira, possibilitando assim sua efetiva inserção cidadã.
    Mas, editar e promulgar leis não garante a construção de uma Sociedade Inclusiva, a qual esta reconhece a diversidade como atributo ao desenvolvimento social e cria oportunidades para que seus membros possam ter acesso aos diferentes segmentos sociais e exerçam sua cidadania com qualidade de vida. Nem tampouco garante romper com um modelo secular de exclusão social e escolar em que a população quilombola viveu e, ainda vive no Brasil. Sabe-se que a educação sozinha não muda a sociedade, mas sem ela, não é possível romper com as amarras que mantém a sociedade e a escola em um modelo de homogeneidade e de aculturamento por meio de uma educação branqueada. Para romper com preconceito e com o modelo de educação e de sociedade pautado na igualdade desigual em que se encontra a sociedade brasileira, exige-se da sociedade a construção de ações afirmativas que reconheça a igualdade de direitos, a identidade de sua comunidade e a valorização sociocultural desta.
    A partir da Lei 10.639, a qual determina a inclusão do ensino da História e da Cultura Africana e Afro-Brasileira nas escolas de nível fundamental e médio no Brasil, as escolas passam a assumir a responsabilidade de promover e celebrar as diferenças a partir do reconhecimento da importância da população afrodescendente no Brasil. Para isso, é necessário garantir formação continuada de docentes, uma vez que estes em sua própria formação profissional, na maioria das vezes, não obtiveram formação específica sobre a importância de uma educação inclusiva, sobretudo, no reconhecimento das contribuições da população quilombola nos diferentes campos de conhecimentos: arte; dança; culinária; trabalho etc.
    Considerando isso, vale ressaltar que a escola precisará promover debates e discussões sobre como será implementada a Lei 10.639 e como serão construídas as ações teórico-práticas para o desenvolvimento do currículo exigido por tal legislação. Mas, como traz Paré, Oliveira e Velloso (2007, p.217), não basta que a sociedade obtenha o conhecimento sobre estes grupos, mas também que a população quilombola consiga romper com as amarras culturalmente e cultivem autonomia, dessa forma o Seminário sobre Comunidades Quilombolas tem significado relevância regional por proporcionar momentos de debates e discussões a cerca dos direitos sociais desta comunidade e compreender as suas reais necessidades.
    Objetivos
    • O objetivo fomentar espaços de discussões sobre Comunidades Quilombolas de acordo com os princípios da Lei Federal 10.639/03 e do Decreto 4.887/03, na qual, respectivamente, exige o ensino os conteúdos sobre a África e suas influências na sociedade brasileira e o reconhecimento das comunidades quilombolas.
    • Promover debates e discussões sobre a importância de introduzir os conteúdos alusivos a História e Cultura Africana e Afro-Brasileira, embasada nas Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino de História Afro- Brasileira e Africana;
    • Ampliar a visão do currículo em relação à diversidade cultural, racial, social e econômica brasileira;
    • Fomenta ações didáticas que possibilitem o reconhecimento da contribuição da população quilombola no desenvolvimento do Brasil e na micro região do Brejo paraibano, estado do Paraíba;
    • Identificar as demandas de ações sociais e agroecológicas que as comunidades quilombolas da região apresentam.


    • ALAGOA GRANDE. COMEMORAÇÃO DO DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA EM CAIANA DOS CRIOULOS ACONTECERÁ DOMINGO, 25 de novembro de 2012


      O dia da consciência negra foi comemorado no Brasil no dia 20 de novembro, em hmenagem ao Zumbi dos Palmares, que morreu, em 1695, lutando pela liberdade dos escravos. Em ALAGOA GRANDE, no próximo Domingo, haverá muitas atividades e eventos de conscientização da classe, no Grupo Escolar Firmo Santino, da comunidade de Caiana dos Crioulos.  A Professora Lucia Julio, Diretora do citado Grupo Escolar e a Secretaria da Cultura do Municipio, convidam a todos para participarem da solenidade. Afirmou Bibiu do Jatobá.

      As fotas postadas aqui foram tiradas na festa em homenagem ao dia internacional da mulher, 8 de março, que foi comemorado em Caiana dos Crioulos no dia 4 de abril de 2012. Cida, presidente da associação quilombola Caiana dos Crioulos informou que esta festa foi transferida para abril porque faleceu um membro da comunidade de Caiana dos Crioulos.
                                     Luciana, Beto, Soledade, Fátima, Cida e Nildo


                                                                    Beto e professor Rafael

                                                              Antônio Barbeiro
                                                             Repentista Soledade

                                              Luciana, filha de Cida, cantou música de Forró.
                                                 Repentista Severino

                                                       Nildo, Roger e Enedino


                                                                        Fátima e Nildo
                                                  


                                                     Nita de Caiana
                                                  Fabricio e Luzirene do cantinho do Saber
       A foto abaixo foi enviada por Bibiu do Jatobá
      RODA DE CIRANDA NO QUILOMBO DE CAIANA DOS CRIOULOS
      ALAGOA GRANDE, PARAIBA. 


      Link para esta postagem, favor cliquem


    • Matérias relacionadas neste blog

      Dia da Consciência Negra relembra Zumbi; saiba onde é feriado

        A LUTA PELOS DIREITOS DA POPULAÇÃO NEGRA CONTINUA. FICA A PERGUNTA POR QUE ALAGOA GRANDE NÃO ESTÁ NA PROGRAMAÇÃO DO GOVERNO DO ESTADO DA PARAÍBA NA COMEMORAÇÃO DA SEMANA DA CONSCIÊNCIA NEGRA 2012?

       
      Blog rafaelrag



    Nenhum comentário:

    Postar um comentário